Proposições Legislativas

Vale a Pena Ler de Novo

Dados do relatório "Justiça em Números" do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) revelam que, apesar de a produtividade dos juízes ter aumentado em 2012, a quantidade de novos processos que chegou aos tribunais supera a de casos julgados, fazendo com que o estoque de ações siga em crescimento no país. Link Leia mais...  

Advocacia Preventiva

O casamento, no Código Civil de 1916, era indissolúvel, não existindo a possibilidade dos cônjuges, por qualquer motivo, desfazerem o laço matrimonial. Em assim sendo, as pessoas que convolassem núpcias deveriam permanecer casadas até o falecimento de um dos consortes.

Link Leia mais...  

Representatividade

  • 001_PM_01.jpg
  • 002_PM_02.jpg
  • 003_PM_03.jpg
  • 004_PM_04.jpg
  • a00_BM_01.jpg
  • a00_BM_02.jpg
  • a00_BM_03.jpg
  • a00_BM_04.jpg
  • a01.jpg
  • a02.jpg
  • a03.jpg
  • a04.jpg
  • a05.jpg
  • a06.jpg
  • a07.jpg
  • a08.jpg
  • a09.jpg
  • a10.jpg
  • a11.jpg
  • a12.jpg
  • a13.jpg
  • cncgfeneme.JPG
Associação dos Oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais

AOPMBM PARTICIPA DO ENCONTRO DAS ENTIDADES NACIONAIS EM BRASÍLIA

E-mail Imprimir PDF

Iniciando os trabalhos do ano de 2015, a AOPMBM participou do encontro das Entidades representativas e filiadas à Federação Nacional de Entidades de Oficiais Militares (FENEME), realizado em Brasília no ultimo dia 20 de janeiro. O Presidente e Vice Presidente da AOPMBM, respectivamente, Tenentes Coronéis PM Marcio Ronaldo de Assis e Ailton Cirilo da Silva, representaram a Entidade no encontro.

Foram discutidos vários eixos temáticos, especialmente, matérias que irão tramitar no Congresso Nacional na legislatura 2015/2018 e devem impactar diretamente nas atividades desenvolvidas pelas Policias e Corpos de Bombeiros Militares do Brasil. Dentro deste contexto, discutiu-se e se definiu várias estratégias e acertos de calendários para atuação sistemática no âmbito nacional junto aos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. alt

 

LANÇAMENTO: COMENTÁRIOS AO CÓDIGO DE ÉTICA

E-mail Imprimir PDF

altA AOPMBM tem a honra de convidar seus associados para a solenidade de Lançamento do livro "Comentários ao Código de Ética e Disciplina dos Militares de Minas Gerais – CEDEM (Lei n. 14.310, de 19 de junho de 2002)", do Major PM Maurício José de Oliveira. Trata-se de uma obra inédita de valiosa contribuição para todas as Corporações Militares dos Estados,

O evento será realizado no dia 04 de Fevereiro de 2015, a partir das 19:30 hs, no Salão Rubi do Clube dos Oficiais da Polícia Militar – COPM, situado na Rua Diábase 200, Prado – Belo Horizonte/MG.

 

LANÇAMENTO DE LIVRO ÁUDIO

E-mail Imprimir PDF

altEm recente visita a AOPMBM, o Sargento PM Éder Machado Silva foi recebido no Espaço dos Inconfidentes pelo Ten Cel PM Márcio Ronaldo de Assis, que se fez acompanhar pelo Ten Cel PM QOR Murilo Ferreira dos Santos - Presidente do INBRADIM, visando apresentar diversos trabalhos intelectuais de sua autoria.

A Associação dos Oficiais via seus meios de comunicação, tem divulgado as diversas obras literárias escritas pelos militares mineiros, como forma de incentivo, especialmente aos associados escritores, que se envolvem em atividades intelectuais e com reflexão sobre suas práticas na Corporação.

O Sgt PM Éder é filiado da AOPMBM e está atualmente lotado na 15ª RPM – Teófilo Otoni/MG. Na oportunidade, apresentou uma de suas obras, sendo o livro áudio intitulado "A Teoria Divina".

ARTIGO CEL AMAURI | PASSARINHO NA MUDA

E-mail Imprimir PDF

altA presidente Dilma impôs-se um silêncio sepulcral, motivando especulações. Somente falam alguns ministros da área econômica, tidos como os mais capacitados da nova equipe. Os das áreas política e social, de qualificação discutível para os cargos, estão em recolhimento voluntário (após um sair-se mal em programa de TV). Ditados populares, que transmitem conhecimentos sobre a vida, de forma simples e objetiva, refletem a realidade: "Muito ajuda quem não atrapalha!"

Por aqui, o governador Pimentel recomendou a seu secretariado abster-se de dar entrevistas individuais. Somente falarão em conjunto (quando, como?). A ordem teria sido dada para evitar desencontros, disse me disse, animosidades no início do governo. Certamente, aplica-se o "passarinho na muda não pia". A lógica estaria no fato de o pássaro, sem penas, não poder voar e, então, se piar, vira alvo fácil de seu predador.

 

Página 1 de 164